sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Ritos, meninos e passarinhos

Hoje Benja realizou seu primeiro funeral de passarinho, na escola. Ele e dois amigos acharam o filhote morto, enterraram, disseram palavras de despedida e cobriram com folhas e galinhos e flores...Hoje ele também teve que lidar com o cético-cinismo do mundo, pois outros meninos duvidaram que havia um pássaro, fizeram riscos na terra dizendo debochados que tinham enterrado um bicho ali também, esparramaram as flores e folhas do túmulo e só não desenterraram o pássaro porque o sinal do fim do recreio tocou.



Quem saberia a autoria da foto do menino e sua sombra?

Nenhum comentário:

Postar um comentário