domingo, 29 de maio de 2011

Anos 40: a vida como ela é...


Uma vez um aluno da turma de minha amiga Paula, do alto de seus sábios 3 anos de idade chamou todos para ouvirem a história que havia criado e que começava assim: "Era uma vez uma velhinha que tinha uns 30,40 anos...". Ui! Na ocasião eu tinha 35 e não pude deixar de pensar em como é relativo isso de "há muito anos atrás"... pois bem: há muitos anos atrás eu achava que aos 40 eu seria bem velhinha - coque, óculos e uma saia feia; depois, já adolescente, achei que seria rica num apartamento duplex todo branco em algum lugar ensolarado e com o cabelo da Kelly das Panteras; já adulta achei que estaria em forma como a Madonna - correndo no Barigui e atuando no Greenpeace com meus amigos engajados e igualmente sarados...restam 7 dias para meu aniversário de 40, está frio pra caramba, tem uma pilha de louça na pia, um monte de textos para ler e o Benjamin já vai acordar da soneca....acho que não vai rolar.

17 comentários:

  1. heheheh bem-vinda ao clube! A gente sobrevive!
    Beijos,
    H.

    ResponderExcluir
  2. Bem, deste lado da taba já lavei a louça, a barriguinha depois de dois filhos insiste em encostar na mesa enquanto teclo, o cabelo resistiu a todas as tentativas e não virou o cabelo da pantera Sabrina (que eu queria ser por que era a mais inteligente...)e, daqui há alguns dias farei 36... E, bem... convenhamos, é apenas o inferno astral, ele passa. Sabe a sensação de ser compreendida? Foi o que senti com esse post... lol Bjs, bjs!

    ResponderExcluir
  3. Simone e Helena, que bom que vocês sabem o que se passa por aqui (na minha cabeça)! Pri, você ri porque ainda nem fez trinta! Beijos a todas e vamos lá!

    ResponderExcluir
  4. Eu ri à beça com esse texto! Eu tive essa crise quando passei dos 29 para os 30. Agora, com 38, fico imaginando como será chegar aos 40. São tantos planos e tão pouco tempo... (rs)
    Um beijo,
    Andréa.

    ResponderExcluir
  5. Estou me arrebentando de tanto rir com o seu "acho que não vai rolar"...
    Que nada, menina! Quando completei 60 (já faz 12 anos)e estava um pouquinho (pouquinho mesmo) triste, uma amiga me disse: Cecilinha, a média de vida agora é de 120 anos; você está na metade!!!!
    Curta bem os 40, filhos, livros e até a louça pra lavar. Pra mim, o pior é passar roupa - até hoje não sei fazer isso.
    Abraço carinhoso e setentão da Cecilia.

    ResponderExcluir
  6. Cecília, que injeção de ânimo! Andréa, momentos de tensão, mas vai passar :))))!

    ResponderExcluir
  7. Oi querida,
    Adorei o texto, muito bem humorado, na verdade o que vivemos é uma tragicomédia, rsrsrsr
    Grande beijo,
    jud-artes.

    ResponderExcluir
  8. Rarará...pense que o mundo é quântico, cheio de infinitas possibilidades e que você foi/é todas as Andréas idealizadas, em outras dimensões.Ajudei? Beijinho e até amanhã! Paula.

    ResponderExcluir
  9. Kkkkkk, ahhh. Cronos e nossos sonhos né amiga? :)Amo muito tudo isso, rs

    ResponderExcluir
  10. Hey Jud, que bom te ver aqui! Paula, ajudou muito não, mas tá valendo a intenção! Sheila, quem é vivo sempre aparece!Saudades de ti amiga! Beijos a todas...

    ResponderExcluir
  11. Que nada, essa Andréa que eu conheço me parece bem mais legal!!! (mas o texto de qualquer modo é absolutamente hilário, viu?... O barato dessa vida é não perder a piada...) Beijusssssssss

    ResponderExcluir
  12. Hahaha que demais !!! É bem por aí... tu vai fazer 40 (gatinha ainda :) e eu que já tenho 50...ai que vida !!! Hehehe

    Bela e bem humorada reflexão.



    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  13. Eu ri muito! "... acho que não vai rolar".
    Que bom que eu li este texto. Trinta e cinco do lado de cá. There's hope, then... *feliz*
    Bj!
    *Ü*

    ResponderExcluir
  14. déia! amei o texto e ri muito, lógico, como todo mundo aqui!
    parei pra pensar nos meus planos e nunca fui de fazer algum, mas me lembrei de ser criança e achar q uma idade boa pra ser mãe, casada e uma super profissional no topo da carreira era entre 27 e 30 anos! e ah, eu ia ser "inventora de coisas"! hahaha!
    bom, inventando eu continuo com os meus caderninhos... e o topo da carreira tá bem longeeee... tenho 32 quase 33, casei no ano passado e filhos... bem, talvez demorem mais um pouco. mas a vida é boa! e feliz! : )
    bjocas e bom domingo pra vc (com cobertor e chocolate quente pra aguentar este frio curitibano),
    mi

    ResponderExcluir
  15. Amei! Estou inteira nesse texto. Aos recem 43, digo que a crise é física... doem as costas e a minisaia fugiu do meu guarda roupa. De resto... já iniciei os convites à minha festa de 100 anos. Só alegria...

    ResponderExcluir
  16. Olha, Andréia, realmente, não vai rolar, haha...Porém o que rola é experiência farta e rica não é?
    Que bom ver vc na ativa espalhando tanta energia da tua cor, me lembro sempre de vc e do seu sorriso, ah e das madeixas encaracoladas...
    tudo de bom viu?
    Bj Mary( Marilandi Trezub)

    ResponderExcluir