terça-feira, 26 de outubro de 2010

Invento em mim o sonhador



Cais

Milton Nascimento


Para quem quer se soltar invento o cais
Invento mais que a solidão me dá
Invento lua nova a clarear
Invento o amor e sei a dor de encontrar
Eu queria ser feliz
Invento o mar
Invento em mim o sonhador
Para quem quer me seguir eu quero mais
Tenho o caminho do que sempre quis
E um saveiro pronto pra partir
Invento o cais
E sei a vez de me lançar

2 comentários:

  1. Oi, Déia!
    Obrigada pelo comentário no meu blog. Isso realmente me anima a continuá-lo. Ainda vai demorar um pouco para eu voltar. Não sei quanto tempo (acho que conseguirei reagir, ao invés de ficar esperando a dor passar, mas como a gota d´água ainda estar por vir, não dá para prever). Enquanto isso vou curtindo suas artes, seus tutoriais e as fotos do seu filhinho (adorei a foto dele ao lado do pai, "lendo"). Um beijo, Karina.

    ResponderExcluir
  2. Fofíssima Karina, quando me deparei com esta canção, que me traz memórias de infância e com a qual me identifico muitíssimo, pensei: adoro quando a Karina expõe seu gosto (ótimo) musical no blog, então vou "pagar pau" e postar a Elis. Não sei o que está acontecendo ao certo, mas se precisar conversar me escreva : cordeiroandrea@yahoo.com.br
    Força querida.

    ResponderExcluir